A invenção bibliográfica do ser

V Seminário Internacional A Arte da Bibliografia - UFPE - Recife - 2018

O discurso biobibliográfico em Gabriel Peignot

Por Gustavo Saldanha (IBICT - UNIRIO)

Resumo

A proposta de investigação segue a trilha dos estudos peignotianos, com foco na epistemologia histórica da Ciência da Informação. O recorte espaço-temporal se dá na produção oitocentista francófona, com ênfase nas ideias presentes no Dictionnaire raisonné de bibliologie, de Gabriel Peignot. Através de um método potencial de Peter Burke de "arqueologia das bibliotecas", a unidade bibliológica é reconhecida a partir da empiria da obra de Peignot. Neste âmbito, são visitadas a historicidade da Segunda Sofística e a produção do conhecimento no mundo latino sob o foco biobibliográfico e a invenção logológica do sujeito-livro. A partir do corpus peignotiano, discute-se a relação entre os sistemas bibliográficos e o desenvolvimento da noção de sujeito pela via do nome próprio na filosofia da informação. Os traços bibliográficos aplicados ao discurso biográfico são explicitados e discutidos, bem como os desdobramentos do pensamento biobibliográfico de Peignot na Modernidade Tardia e no mundo contemporâneo.

Conheça Gustavo Saldanha

Pesquisador Adjunto do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT), Professor Adjunto da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), bolsista de produtividade 2 do CNPq. Atua como docente nos programas de pós-graduação em Ciência da Informação do IBICT e em Biblioteconomia da UNIRIO. É líder do grupo de pesquisa Ecce Liber: filosofia, linguagem e organização dos saberes (IBICT). É membro, desde 2017, da equipe "Médiations en information ? communication spécialisée" do Laboratoire d'Études et de Recherches Appliquées en Sciences Sociales (Lerass) da Université Toulouse III Paul Sabatier, França; desde 2008, da Rede Franco-Brasileira de Mediações e Usos Sociais dos Saberes e da Informação (Rede Mussi) e, desde 2014, do International Center for Information Ethics (ICIE). Foi vice-coordenador na gestão 2015-2016 do Grupo de Trabalho 1 (Estudos históricos e epistemológicos da Ciência da Informação) da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação (ANCIB). Possui graduação em Biblioteconomia (UFMG-2006), especialização em Filosofia Medieval pela (Faculdade São Bento-RJ-2010), mestrado em Ciência da Informação (UFMG-2008), doutorado em Ciência da Informação (IBICT-UFRJ). Realizou no periodo 2017-2018 o estágio pós-doutoral na Université Toulouse III, Toulouse, França, com o projeto "Outras margens de fundamentação epistemológico-histórica da ciência da informação".

V Seminário Internacional A Arte da Bibliografia - UFPE - Recife - 2018

[Programa completo do evento]

***

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2013 Ecce Liber: Filosofia, Linguagem e Organização dos Saberes. Desenvolvedor: Diogo Xavier da Mata.

Centro de Estudos Avançados em Ciência da Informação e Inovação (CENACIN - IBICT)

CAPES - CNPq - FAPERJ